segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Por onde anda a tua criança?

Que essa criança viva dentro de cada um de nós; manifeste-se conscientemente nos nossos devaneios, desejos e principalmente em nossas emoções.


A felicidade nunca passará apenas pelas situações mais complexas da tua vida, mas pelas formas simples e desejosas que todos nós as temos. Saibamos ser maturamente ocasionalmente crianças... tamanha será a tua grandeza aos olhos dos quem invejam não ter essa criança neles! Como adoro invejosos! O prazer de superioridade satisfaz-me: "rebaixarem-se" perante a minha pessoa só mostra a pessoa diferente que sou, e a incapacidade desses anormais de viver!

Cabe a ti cultiva-la por toda vida

2 comentários:

Sissym disse...

Joel,

primeiro, antes de tudo, precisa assistir, vai rir demais com a carinha do menino :

http://youtu.be/1KFq-DwHj3k

E...sabe... é possível amarmos nossos amigos de maneira expressiva, com sorriso no rosto. Que Deus me ajude a concretizar meus sonhos, são simples, mas se eu conseguir... um dia... vou dar um abração em voce!


beijos

Samanta Sammy disse...

Olá Joel !!! Cá estou !!

Ahhh como às vezes somos infantis no mau sentido e afogamos nossa criança interior ! Sábios aqueles que sabem manter este equilíbrio e cultivam ainda algo desta luz na alma e no coração ! A alegria e a pureza de saber sorrir com a simplicidade e de não ter medo de viver !
Quem não o faz só pode mesmo escurecer o coração na inveja, inútil sentimento que poderia ser facilmente trocado pela plenitude de mudar de atitude e libertar sua própria criança interior ;)

Um beijãooo